Preços da arroba do boi seguem caindo diante de aumento da oferta

274

    Porto Alegre, 20 de maio de 2022 – A terceira semana de maio teve preços mais baixos nas principais praças de produção e comercialização de boi gordo do país. Segundo o analista de SAFRAS & Mercado, Fernando Henrique Iglesias, o ambiente de negócios ainda sugere pela continuidade do movimento de queda nos preços da arroba, considerando o bom volume de animais ofertados no Centro-Sul do país durante esta semana, que garante uma posição confortável para as escalas de abate da maioria dos frigoríficos.

   “O embargo imposto pela China em alguns frigoríficos ainda gera ruídos em algumas regiões do país, aumentando a pressão de queda nesses estados. É exatamente o caso do Mato Grosso, estado que concentra o maior volume de unidades frigoríficas embargadas”, disse ele.

    “O mercado apresentará maior propensão a reajustes no período de transição entre safra e entressafra de boi gordo, com um quadro de oferta melhor ajustado”, completou. 

    Com isso, os preços a arroba do boi gordo na modalidade a prazo nas principais praças de comercialização do País estavam assim no dia 20 de maio:

* São Paulo (Capital) – R$ 320,00 a arroba, na comparação com R$ 325,00 em 13 de maio, estável.

* Minas Gerais (Uberaba) – R$ 285,00 a arroba, ante R$ 290,00, queda de 1,72%.

* Goiânia (Goiás) – R$ 280,00 a arroba, contra R$ 290,00, caindo 3,45%.

* Mato Grosso do Sul (Dourados) – R$ 285,00 a arroba, contra R$ 290,00, recuo de 1,72%.

* Mato Grosso (Cuiabá) – R$ 285,00 a arroba, ante R$ 290,00, caindo 1,72%.

     Fábio Rübenich (fabio@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2022 – Grupo CMA