Seguindo inspeções de exportação nos EUA e trigo, milho fecha em forte alta em Chicago

325
milho

    Porto Alegre, 20 de maio de 2024 – A Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) para o milho fechou a sessão de hoje com forte alta nos preços. O cereal foi sustentado pelas boas inspeções de exportação de milho norte-americano, seguindo também os fortes ganhos do trigo, por conta da escalada de tensão entre a Rússia e a Ucrânia. Na sexta-feira, um ataque por drones da Ucrânia ao porto russo de Novorossiysk causou alguns danos.

    As inspeções de exportação norte-americana de milho chegaram a 1.210.541 toneladas na semana encerrada no dia 16 de maio, conforme relatório semanal divulgado pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA).

    Na semana anterior, haviam atingido 1.004.571 toneladas. Em igual período do ano passado, o total inspecionado foi de 1.328.829 toneladas. No acumulado do ano-safra, iniciado em 1o de setembro, as inspeções somam 35.211.044 toneladas, contra 27.380.440 toneladas no acumulado do ano-safra anterior.

    Na sessão, os contratos de milho com entrega em julho de 2024 fecharam a US$ 4,60 1/2 por bushel, alta de 8,00 centavos de dólar, ou 1,76%, em relação ao fechamento anterior. A posição setembro de 2024 fechou a sessão a US$ 4,71 por bushel, avanço de 8,50 centavos de dólar, ou 1,83%, em relação ao fechamento anterior.

Acompanhe a Safras News em nosso site. Siga-nos também no InstagramTwitter e SAFRAS TV e fique por dentro das principais notícias do agronegócio!

Pedro Carneiro (pedro.carneiro@safras.com.br) / Safras News

Copyright 2024 – Grupo CMA