Algodão volta a ter fortes perdas em NY com ajustes e aversão ao risco

156

     Porto Alegre, 27 de junho de 2022 – A Bolsa de Mercadorias de Nova York (ICE Futures) para o algodão fechou com preços acentuadamente mais baixos nesta segunda-feira.

     Após o contrato dezembro acumular baixa de 17,1% na última semana, cotações mais baixas em 5 meses, o mercado volta a tombar neste início de semana dando sequência aos ajustes técnicos. Além disso, o dia voltou a ser de aversão ao risco com quase todas as commodities agrícolas caindo nas bolsas de futuros. Há fortes preocupações com o cenário de inflação e recessão nos Estados Unidos e globalmente.

     O mercado encerrou o dia ainda aguardando o relatório com as condições das lavouras dos EUA, do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), e tem na quinta-feira o relatório com estoques trimestrais e área plantada.

     Os contratos com entrega em dezembro/2022 fecharam o dia a 94,05 centavos de dólar por libra-peso, desvalorização de 4,00 centavos, ou de 4,1%.

     Lessandro Carvalho (lessandro@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2022 – Grupo CMA