Chuvas atingirão o Sul e Nordeste do Brasil nos próximos 15 dias – Rural Clima

154
chuvas

     Porto Alegre, 24 de junho de 2022 – Nos próximos 15 dias, as chuvas no Brasil deverão estar concentradas na região Sul e litoral nordestino, segundo informações do alerta agroclimático da Rural Clima.

     De acordo com o agrometeorologista Marco Antonio dos Santos, além disso, as chuvas devem atingir parte do litoral de São Paulo e do Paraná, atrapalhando as operações dos portos de Santos e Paranaguá. As chuvas também podem atingir parte do Paraguai e da Argentina.

     Grande parte do país seguirá com clima seco, incluindo a região Centro-Oeste como um todo, Rondônia, Matopiba (com exceção do norte do Piauí, Maranhão e Pará). Com a previsão realizando-se, o clima se indica favorável para a colheita e a realização de tratos culturais das lavouras.

     No Rio Grande do Sul, Santa Catarina e sul do Paraná, as chuvas poderão atrapalhar o cultivo do trigo, bem como a colheita de soja safrinha.

     Santos ainda ressalta que não há maiores preocupações com relação ao frio nas próximas duas semanas, apesar de ser esperado, no início do mês de julho, um declínio da temperatura do Rio Grande do Sul.

     As próximas quatro semanas devem seguir com clima ideal na região central do país para a colheita de milho safrinha, café, cana-de-açúcar e algodão. Algumas chuvas rápidas podem atingir São Paulo no fim da primeira quinzena do próximo mês, porém nada que possa trazer maiores dificuldades para o desenvolvimento das lavouras.

     Com relação a La Niña, de acordo com Santos, a expectativa é de que o fenômeno possa ocorrer com fraquíssima intensidade durante o inverno e primavera. De novembro em diante, na segunda metade da primavera, o fenômeno caminha para uma neutralidade, podendo estar ausente durante o verão.

     Pedro Diniz (pedro.carneiro@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2022 – Grupo CMA